Quarta-feira, 05.08.09

Já diz o povo...em proverbial parábola esta frase...e porque é que se aplica à Ferreirinha...vejamos:

 

A escolha de António Preto e Helena Lopes da Costa para as Listas do PPD/PSD do Círculo de Lisboa...fez-me relembrar...os grandes amigos da Ferreirinha e do actual ocupante de Belém que ainda não me habituei a ver naquele cargo...e que estou sempre à espera que este cuspa um bocado de bolo rei quando fala...

 

Mas não só isso como a imposição de Isabel Damasceno...antiga arguida e não acusada no processo "apito-dourado"...contra a estrutura Concelhia e Distrital...e o apoio a Fernando Ruas...e para que não se esqueçam:

 

António Preto é suspeito de fraude fiscal...e o seu processo nasce de uma investigação a um centro de condução automóvel em Tábua em que este com Virgílio Sobral de Sousa foram escutados a falar sobre dinheiro em malas...uns míseros 37 mil euros...segundo a acusação...que já passou o crivo da instrução...o dinheiro recebido em notas por António Preto teve um destino: "Tais quantias, em numerário, entregues ao arguido António Preto, pelos arguidos Virgílio Sobral de Sousa e Jorge Silvério, destinaram-se ao pagamento de encargos, que o primeiro arguido teve com a sua campanha eleitoral, como candidato à presidência da Comissão Distrital de Lisboa, do PSD, incluindo o pagamento, por si, de número indeterminado de quotas de militantes do PSD", e assim e segundo consta do despacho de pronúncia...temos o que este senhor representa...um pormenor...este escapa-se a ser julgado em Setembro pois a Lei confere-lhe imunidade como candidato.

 

Helena Lopes da Costa, a antiga vereadora do um executivo que já levou à bancarrota a Câmara de Lisboa, é acusada de abuso de poder num processo de atribuição de casas camarárias e foi acusada pelo Ministério Público de 22 crimes de abuso de poder e segundo o despacho esta usou arbitrariamente os seus poderes para dar casas da autarquia, prejudicando "aqueles que estando em condições de lhe serem atribuídas habitações não viam as pretensões satisfeitas".

 

 

Fernando Ruas, foi condenado a 100 dias de multa, à taxa diária de 20 euros, por ter incitado a "correr à pedrada" os fiscais do ambiente...recorde-mos a história...na Assembleia Municipal de Viseu de 26 de Junho de 2006, o presidente da Junta de Freguesia de Silgueiros fez queixas dos vigilantes da natureza...o presidente-dinossauro...reagiu com a frase “arranjem lá um grupo e corram-nos à pedrada. A sério, nós queremos gente que nos ajude e não que obstaculize o desenvolvimento. Estou a medir muito bem o que estou a dizer”....e por esse motivo o Tribunal de Viseu condenou Fernando Ruas por considerar que o autarca tinha a noção de que estava a “apelar à intimidação e à agressão física à pedrada” dos vigilantes da natureza e na sentença pode ler-se que se tratou de “uma provocação ou incitamento à prática de um crime”, tanto mais que estas palavras foram “proferidas publicamente, por alguém sobejamente conhecido a nível local e nacional”....e desta forma, os destinatários poderiam pensar “que uma tal possível conduta estaria justificada”, levando, nomeadamente, à prática de crimes como a ofensa à integridade física qualificada contra os vigilantes da natureza, acrescenta e assim o colectivo de juízes entendeu que Fernando Ruas actuou dolosamente, uma vez que rematou as polémicas afirmações com a frase “eu estou a medir muito bem aquilo que estou a dizer”.

 

 

psdv091

 

É a política de verdade!!!

 

E assim vão as listas do PPD/PSD...em todo o seu esplendor...e para infelicidade deste país.

publicado por Sandro Pires às 13:51 | link do post | comentar | favorito
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
19
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
arquivos
2009
últ. comentários
Estará esta fêmea macilenta e tórpida a olhar para...
Que quadrúpede ruminante cavicórneo, tipo da famíl...
Uma senhora que não queria que o ordenado minimo f...
Posts mais comentados
blogs SAPO